Bruno Gagliasso usa redes sociais para desabafar sobre abordagem policial

Ator conta o que vem sofrendo por não apoiar Bolsonaro

Bruno Gagliasso recorreu às redes sociais recentemente para desabafar a humilhação que alega ter sofrido ao ser abordado por policiais numa estrada em Búzios.

Segundo o ator, os policiais teceram comentários ofensivos chegando a alegar que o famoso continha drogas no porta malas de seu carro, sendo que havia apenas roupas da família e brinquedos de sua filha.

PUBLICIDADE

Além disso, ele também relata como tem sofrido com ataques que denigrem sua imagem, simplesmente, por ele não apoiar o atual presidente do Brasil, Jair Bolsonaro.

Devido isso, ele relata que tem havido diversas Fake News denegrindo sua imagem, que por conta de uma dessas chegou a receber e-mail de uma fã idosa fazendo apelo para que o ator deixasse de apoiar a pedofilia, deixando o ator ainda mais chateado e revoltado com os ataques.

PUBLICIDADE

Ademais, também repercutiu outra notícia falsa alegando que o ator tinha um casamento apenas de fachada, acusando-o de pederastia.

Embora sua esposa o pedisse que se acalmasse e que não falasse de política nas redes sociais, o ator não se conteve e expôs sua revolta com os fatos acontecidos e também sua insatisfação com o atual presidente do Brasil, o qual sempre criticou mesmo antes dele assumir a presidência do país.

PUBLICIDADE

Por fim, o famoso se desculpa com seus fãs pelo seu desabafo e diz que a Fake News atual é a cloroquina, medicação que Bolsonaro apoia para o tratamento de infectados com covid-19 no país, mas que a amanhã pode ser de qualquer outra pessoa que não é favor do atual presidente.

O ator pôde contar com comentários e apoio de diversos outros artistas que tem passado pela mesma situação e compartilhado da mesma dor.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.