Apresentador do Alterosa Alerta faz comentário racista ao vivo e constrange repórter

Stanley Gusman fez um comentário racista a respeito de Carlos Augusto Montenegro, diretor o Instituto Ibope de Inteligência

Stanley Gusman, responsável por apresentar o telejornal Alterosa Alerta, transmitido em uma afiliada do SBT em Minas Gerais, fez um comentário de teor racista ao vivo e gerou constrangimentos no repórter do programa, Rafael Martins.

PUBLICIDADE

Ao retornar do link, Stanley utilizou uma piada de cunho racista para falar a respeito do presidente do Instituto Ibope de Inteligência, Carlos Augusto Montenegro. De acordo com o apresentador, que fez um trocadilho com o nome do diretor, se ele fosse alguém “do bem”, ele não teria o sobrenome Montenegro, mas sim “monte branco”.

Alguns momentos antes de fazer o infame trocadilho, Gusman também havia chamado Carlos Augusto Montenegro de “demônio”. Após ouvir o comentário do apresentador, Rafael Martins se mostrou sem graça pela fala e deu um sorriso constrangido. Posteriormente, ele reagiu com a interjeição “Nossa mãe”, demonstrando a sua surpresa pelo comentário de Stanley Gusman.

PUBLICIDADE

Durante essa mesma transmissão, foi possível perceber que Stanley foi repreendido via ponto eletrônico. Isso se fez notar quando o apresentador tentou justificar a sua fala racista afirmando que não estava falando a respeito da cor da pele de Carlos Augusto, mas sim de escuridão. “Céu branco, inferno negro”, ressaltou o apresentador tentando se defender.

Na internet a fala do apresentador vem sendo duramente criticada. Nesse sentindo, alguns internautas apontam que não conseguem compreender como algumas pessoas conseguem espaço na TV brasileira.Através de uma nota, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais apontou que considera a fala de Stanley Gusman algo “grave e inaceitável”. Além disso, o Sindicato também lamentou que ainda existam posicionamentos racistas dentro dos meios de comunicação.

PUBLICIDADE

Por fim, o SJPMG está esperando que o caso seja tratado com a devida seriedade, sendo apurado e que Stanley seja responsabilizado por sua fala. De acordo com a nota, os jornalistas de Minas Gerais se consideram alinhados à luta do povo negro contra o racismo.

O site Notícias da TV tentou conseguir algum contato com a afiliada do SBT em Minas Gerais, mas não obteve sucesso em suas tentativas, de modo que não foi possível conseguir um pronunciamento da rede de TV até o presente momento.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Juliana De Oliveira

Redatora nas horas vagas, adoro escrever sobre famosos, notícias, culinária e assuntos diversos. Contato: [email protected]